Renda: Como compor seus looks

A renda era um tecido caríssimo usado apenas pelo clero e a nobreza, principalmente em tons de dourado e prateado. A rainha Catarina de Médici, da França, era grande adepta do tecido e propagou o tecido pela corte, que logo foi proibido, já que seus custos de importação quase levou o governo ao endividamento.

Duas pinturas da realeza utilizando vestidos de renda

Ela voltou sutil em enfeites para cabeça, luvas, lenços, chales e casaquetos e logo foi associada à lingerie. Essa ligação fez com que a renda fosse associada a looks sensuais, mas também aos românticos e sempre muito femininos.

Hoje, a renda é amplamente utilizada em vestidos de festa. Para direcionar o look para o lado clássico e romântico, aposte em peças com pérolas e brilhantes delicados. Para deixá-lo sexy, vá aposte em brincos e peças statement.

Três mulher utilizando vestido de renda

O tecido pode ser utilizado no dia a dia, mas é importante equilibrar a sensualidade da peça – principalmente as com transparência.

Três mulher utilizando vestido de renda

No trabalho, o tecido pode ser empregado de forma sutil no look. Vale lembrar que é importante avaliar se o dress code da sua empresa permite.

Três mulher utilizando vestido de renda

Compartilhe
Compartilhe