As vantagens de uma comunicação não verbal assertiva

Podemos usar nossa comunicação não verbal para agregar impacto em nossas palavras, reforçando, complementando, atenuando nossa mensagem verbal. Isto se torna efetivo quando as duas mensagens, verbal e não verbal, transmitem o mesmo significado. Quando uma contradiz a outra pode confundir seu ouvinte na decodificação da mensagem e perder credibilidade. Se você diz a alguém “Estou bem” com uma respiração difícil, olhos apertados, maxilar tenso e queixo caído, tudo leva ao ouvinte crer que você não está bem, mesmo suas palavras dizendo o contrário.

9/9/08, Narciso Rodriguez, FASHION WEEK

Lembre-se que a comunicação é feita de sinais verbais e não verbais. A parte mais influente da comunicação são os sinais não verbais.

Use gestos ou expressões para dar apoio ao que verbaliza, complementando ou incrementando sua mensagem. Um sorriso pode complementar um “Bom dia” e tornar aquele cumprimento bem mais impactante.

Uma virada de olhos, enquanto você ouve alguém, pode adiantar a má notícia que virá depois, você já prepara seu interlocutor que ele não está vendendo bem a própria ideia.

Em reuniões ou explanações, recursos visuais, como flip charts e power points reforçam a expressão verbal, evitando que você tenha que repetir a mensagem verbal. Também cria maior potencial de sua mensagem ser gravada na memória.

Quando exploramos com assertividade a nossa linguagem silenciosa apoiando nossa fala, alcançamos resultados bem melhores no entendimento de nossas mensagens.

Compartilhe
Compartilhe